O que levar em conta ao promover a saúde dos colaboradores da sua empresa

Empresas que se ocupam de promover a saúde dos colaboradores obtém bons resultados financeiros, reduzem custos e retêm talentos.

Além disso, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a saúde ocupacional está muito ligada ao desenvolvimento social. Isso porque, nós sabemos, as pessoas vivem a maior parte do tempo no ambiente laboral e seus hábitos profissionais reverberam em sua vida fora da empresa.

Neste artigo, vamos refletir sobre alguns fatores que devem ser considerados na hora de inserir a saúde dos colaboradores no contexto do planejamento estratégico empresarial.

Continue lendo para entender!

Por que promover a saúde dos colaboradores

Quando falamos em promover a saúde dos colaboradores, muitas vezes pensamos na segurança no local de trabalho e na garantia de que a empresa esteja cumprindo com suas responsabilidades legais relativas ao tema.

No entanto, a promoção da saúde dos colaboradores é mais do que isso. Ela diz respeito às medidas que a empresa toma para ajudar seus funcionários a melhorar sua própria saúde geral e o bem-estar no trabalho.

Embora seja importante se concentrar nas questões tradicionais de saúde e segurança no local de trabalho, como prevenção de riscos e redução de afastamentos, empresas realmente preocupadas com o tema devem tratar de fatores que vão além da legislação trabalhista.

Inspirar os profissionais a terem hábitos saudáveis em suas vidas como um todo (dentro e fora do trabalho) pode trazer inúmeros benefícios aos negócios. Da redução de custos com afastamentos ao aumento da produtividade, passando pela criação de ambientes colaborativos e melhorias na reputação do negócio (marca de empregador, responsabilidade social etc.).

O que levar em conta na hora de desenvolver um projeto para promover a saúde dos colaboradores

Ligar a saúde dos colaboradores ao planejamento empresarial

Promover uma cultura saudável, explicando como as escolhas de estilo de vida afetam a saúde e o bem-estar no trabalho, funciona melhor quando o projeto está alinhado com o planejamento empresarial.

Este tema costuma conquistar mais os colaboradores, e também suas lideranças, quando há em jogo indicadores ligados ao negócio.

Por exemplo, a redução do número de afastamentos por motivos de saúde pode ser entendida como um valor para o negócio. Dessa forma, os líderes vão se esforçar para engajar seus liderados para praticar exercícios, respeitar os horários de descanso etc.

Convidar os colaboradores para pensar o tema e sugerir melhorias

Permitir que os funcionários participem das iniciativas de saúde no local de trabalho também facilita muito este esforço.

A imposição não é uma boa escolha quando estamos falando de mudanças de hábitos. É sempre mais fácil convencer as pessoas a realizar algo quando elas sentem que estão participando das decisões.

Uma boa tática é promover consultas por meio de pesquisas, fóruns de discussões, dinâmicas de grupos etc. Os feedbacks das pessoas que estão no dia a dia da operação podem ajudar a criar planos de ação muito mais eficientes. Afinal, quem sente na pele tende a saber exatamente o que precisa ser aprimorado.

Montar um plano de comunicação em torno do assunto

A comunicação interna também é um dos fatores que podem representar o sucesso da empresa que quer promover a saúde dos colaboradores.

Cada dia mais, as empresas estão se dando conta de que a comunicação deve ser de mão dupla. Ou seja, não basta emitir comunicados, as pessoas também precisam ter meios de expressar o que sentem, oferecer ideias e opiniões.

RH, lideranças e profissionais da área de marketing podem se unir em torno do tema para montar um plano de comunicação sob medida. Quanto mais interdepartamentais forem os esforços de comunicação, mais sucesso é possível obter.

Buscar ajuda especializada em gestão de saúde corporativa

Por fim, uma excelente escolha é contar com a ajuda de fornecedores de serviços de saúde e bem-estar empresarial. Empresas que fornecem soluções em ginástica laboral, treinamentos, atividades etc. têm background suficiente para montar uma estratégia sob medida para cada negócio.

O que você achou das nossas dicas para você promover a saúde dos colaboradores da sua empresa? Deixe seu comentário!

→ Aprofunde-se ainda mais neste assunto: baixe agora mesmo o e-book GESTÃO DA SAÚDE CORPORATIVA!